Patient Blood Management em Oncologia – é possível?

Autores

  • Alexandra Santos Hospital de São José, Centro Hospitalar de Lisboa Norte, Lisboa, Department of Immunohemotherapy Portugal
  • Ana Oliveira 2Hospital de Santa Maria, Centro Hospitalar de Lisboa Norte, Department of Immuno-hemotherapy, Lisboa, Portugal
  • Ana Raimundo 3Instituto Português de Oncologia do Porto Francisco Gentil, Department of Medical Oncology, Porto, Portugal
  • Andreia Coelho 4Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro, Department of Hematology, Vila Real, Portugal
  • Andreia Monteiro 5Centro Hospitalar Barreiro e Montijo, Department of Immuno-hemotherapy, Lisboa, Portugal
  • António Araújo 6Hospital de Santo António, Centro Hospitalar do Porto, Department of Medical Oncology, Porto, Portugal
  • António Moreira 7Instituto Português de Oncologia Lisboa Francisco Gentil, Department of Medical Oncology, Lisboa, Portugal. 8Instituto Português de Oncologia Lisboa Francisco Gentil, Clinical Research Unit, Lisboa, Portugal
  • António Nunes 9Anemia Working Group Portugal, Lisboa, Portugal. 10Hospital das Forças Armadas, Imunnohemotherapy (Transfusion Medicine) Department, Lisboa, Portugal
  • Cândida Fonseca 11Hospital São Francisco Xavier - Centro Hospitalar de Lisboa Ocidental, Internal Medicine Department & Hospital Dia, Lisboa, Portugal. 12Universidade Nova de Lisboa, NOVA Medical School, Faculdade de Ciências Médicas, Lisboa, Portugal
  • Carla Caldeira 13Hospital Egas Moniz, Centro Hospitalar de Lisboa Ocidental, Department of Immuno-hemotherapy, Lisboa, Portugal
  • Carlos Barros Maternidade Alfredo da Costa, Department of Obstetrics and Gynecology, Lisboa, Portugal.
  • Daniel Silva Instituto Português de Oncologia de Coimbra Francisco Gentil, Department of Gynecology, Coimbra, Portugal
  • Deolinda Pereira Instituto Português de Oncologia do Porto Francisco Gentil, Department of Oncology, Porto, Portugal.
  • Dialina Brilhante Instituto Português de Oncologia Lisboa Francisco Gentil, Department of Hematology, Lisboa, Portugal
  • Diana Mendes Hospital São Francisco Xavier, Centro Hospitalar de Lisboa Ocidental, Department of Immunohemotherapy, Lisboa, Portugal
  • Encarnação Teixeira Hospital de Santa Maria, Centro Hospitalar Lisboa Norte, Department of Pneumology, Pneumology Oncology Hospital Dia, Lisboa, Portugal
  • Fernando Barata Department of Pneumology, Coimbra Central Hospital, Coimbra, Portugal. Grupo de Estudos do Cancro do Pulmão, Portugal
  • Fernando Silva Grupo Português Genito-Urinário, Lisboa, Portugal.
  • Gabriela Sousa Department of Medical Oncology, Instituto Português de Oncologia de Coimbra Francisco Gentil, Coimbra, Portugal. Portuguese Society of Oncology, Portugal
  • Hélder Mansinho Department of Hematology- Oncology, Hospital Garcia de Orta, Lisboa, Portugal. Grupo de Investigação do Cancro Digestivo, Portugal.
  • Herlander Marques Department of Medical Oncology, Hospital de Braga, Braga, Portugal
  • Isabel Branco Instituto Português de Oncologia Lisboa Francisco Gentil, Department of Hematology, Lisboa, Portugal
  • João Freire Instituto Português de Oncologia Lisboa Francisco Gentil, Department of Medical Oncology, Lisboa, Portugal
  • Joaquim Andrade Department of Clinical Hematology, Centro Hospitalar de São João, Porto, Portugal
  • José Cotter Department of Gastroenterology, Hospital da Senhora da Oliveira-Guimarães, Portugal. University of Minho School of Medicine, Braga, Guimarães, Portugal. Portuguese Society of Gastroenterology, Portugal.
  • José Costa Department of Pneumology, Instituto Português de Oncologia Lisboa Francisco Gentil, Lisboa, Portugal
  • José Guimarães Hospital São João and School of Medicine, Porto, Portugal. 34Universidade do Porto, Clinical Hematology, Porto, Portugal. Portuguese Society of Gastroenterology, Portugal.
  • Luísa Santos Department of Immuno-hemotherapy, Instituto Português de Oncologia do Porto Francisco Gentil, Porto, Portugal.
  • Rosa Ferreira Department of Gastroenterology, Hospital Beatriz Ângelo, Loures, Portugal.
  • Susana Rodrigues Instituto Português de Oncologia Lisboa Francisco Gentil, Department of Hematology, Lisboa, Portugal
  • Tânia Fonseca Medical Department, OM Pharma/Vifor Pharma, Lisboa, Portugal
  • Venceslau Hespanhol Department of Pneumology, Centro Hospitalar de São João, Porto, Portugal. Faculty of Medicine, University of Porto, Porto, Portugal. Portuguese Society of Pneumology, Portugal.

Palavras-chave:

sangue; terapias; artigo de posicionamento; oncologia

Resumo

Patient Blood Management (PBM) é um método seguro que visa melhorar a gestão médico-cirúrgica dos doentes de modo a que o seu próprio sangue seja conservado. Cerca de 32 a 60% dos doentes oncológicos têm deficiência de ferro, a maioria tem anemia e, por isso, é importante discutir estratégias que evitem o uso excessivo de sangue e redução da progressão de tumores e recorrência do cancro. Neste artigo de posicionamento, um grupo de especialistas em conjunto com a Associação Portuguesa para o Estudo da Anemia (AWGP) discute o programa PBM em hematologia e oncologia tendo em conta diversos fatores que são atualmente utilizados para aprovar os tratamentos em uso, baseados nas últimas informações atualizadas das orientações internacionais do National Comprehensive Cancer Network® (NCCN).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-04-14

Como Citar

Santos, A. ., Oliveira, A., Raimundo, A., Coelho, A. ., Monteiro, A. ., Araújo, A. ., Moreira, A. ., Nunes, A. ., Fonseca, C., Caldeira, C. ., Barros, C. ., Silva, D. ., Pereira, D. ., Brilhante, D. ., Mendes, D., Teixeira, E. ., Barata, F. ., Silva, F. ., Sousa, G., Mansinho, H., Marques, H., Branco, I., Freire, J. ., Andrade, J., Cotter, J., Costa, J. ., Guimarães, J. ., Santos, L. ., Ferreira, R. ., Rodrigues, S. ., Fonseca, T., & Hespanhol, V. . (2021). Patient Blood Management em Oncologia – é possível?. Revista Portuguesa De Oncologia, 3(2), 17–24. Obtido de https://rponcologia.com/index.php/rpo/article/view/21

Edição

Secção

Artigo de Consenso

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)